Como tratar o Estresse do Trabalho? Dica Extra – E-book Grátis

Como tratar o estresse do trabalho? O trabalho é uma das principais fontes de estressores do mundo atual, o que pode gerar diversas doenças e transtornos psíquicos.

Saiba como tratar o estresse do trabalho!

O estresse não é uma doença, mas um estado de tensão seja física, mental ou emocional, em que o organismo sofre reações químicas necessárias para lidar com as situações estressoras.

Entretanto, estas tensões produzem efeitos colaterais e prejuízos quando as situações estressoras são contínuas e intermitentes.

Com isso, o organismo passa a trabalhar demasiadamente para superar estas tensões sem que haja intervalos de tempo, o que pode gerar desgaste físico e emocional.

 Assim, é importante que haja recursos para lidar com o estresse, e assim, evitar futuras doenças e transtornos psíquicos causados pelo acúmulo de tensões é necessário aprender como tratar o estresse do trabalho.

Como tratar o estresse do trabalho ?

Causas do estresse no trabalho

Existem algumas formas de estresse no ambiente de trabalho, e são:

  •  Estresse Ocupacional – Tipo de trabalho;
  •  Estresse Ambiental;
  •  Estresse Social;
  •  Estresse Emocional;
  •  Estresse nos relacionamentos de trabalho;
  •  Estresse nos grupos por problemas de comunicação;
  •  Estresse físico e mental, etc.

Pode-se resumir estas causas em três causas principais:

Alto padrão de exigência pessoal, medo e frustração.

Sintomas do estresse

Combater o estresse no trabalho pode melhorar a saúde e a qualidade de vida, evitando assim, futuras doenças e transtornos psíquicos.

Assim identificar os sintomas pode ajudar a perceber o quanto antes, a fim de buscar uma forma de tratamento.

Sintomas físicos: dor de cabeça, distúrbios do sono, irritabilidade, cansaço, tensão muscular, a dificuldades respiratórias, , problemas digestivos, pressão alta e problemas cardíacos.

Sintomas psíquicos: dificuldade de concentração, dificuldade de memória, irritabilidade, confusão mental, desânimo, distúrbios psíquicos como síndromes, depressão e pânico.

 Estes sintomas são sinais de aviso aos nossos sistemas físico, mental e emocional, de que algo está errado e que estamos ultrapassamos o nosso limite!

Tratamento como tratar o estresse do trabalho 

O primeiro passo para tratar o estresse é buscar ajuda com um profissional especialista, como um psicólogo ou psiquiatra.

Durante a terapia é importante considerar questões de auto-análise a fim de buscar o autoconhecimento como forma de lidar com o estresse.

Pensar a respeito dos nossos sentimentos a respeito do nosso trabalho, nossos relacionamentos e sobre toda a nossa vida, são fundamentais no processo de auto-análise

Questões para auto-análise:

Estou vivendo para atender as expectativas de todos?

Preciso da aprovação de todos para me sentir bem?

Como eu me sinto quando as pessoas me cobram algo que eu não posso oferecer?

Consigo dizer “não”, ou sempre digo “sim” com medo do que vão pensar?

Preciso ter um carro do ano, uma roupa da moda, ter o corpo perfeito para me sentir bem, ou é impossível ser feliz sem estas coisas?

Estou trabalhando no que eu realmente gosto, ou estou nesta profissionão somente porque é bem remunerada ou para corresponder as expectativas dos outros?

É possível ser amado pelo que eu sou, ou tenho que ser o que os outros desejam para poder ser amado?

Como as atitudes dos outros afetam o meu lado emocional?

As pessoas têm o poder de afetar as minhas emoções?

Como está o meu autocontrole emocional?

Consigo manter o equilíbrio emocional, ou perco o controle das minhas emoções por qualquer coisa, pessoas ou eventos?

Quem sou eu de verdade?

Eu sou o que eu penso ser, ou me transformei em uma pessoa que foi moldada pelas opiniões, exigências e padrões sociais?

Estresse como Diminuir?

Desde a infância somos chamados a escolher uma profissão em que os nossos pais e outras pessoas acreditam ser a melhor para nós.

Mas nesta idade não sabemos quem somos de fato, quais as nossas qualidades e afeições, por isso, crescemos com a missão de não decepcionar estas pessoas, sem saber qual é a nossa vontade e nossos sonhos.

Sabotamos os nossos sonhos para atender os sonhos dos outros.

E quais são os nossos sonhos, nossas vontades e a profissão que nos tornará pessoas realizadas?

Encontrar o nosso caminho só é possível com o autoconhecimento!

A cura para o estresse é a “atitude”!

Não adianta psicólogos, terapias e outras formas de ajuda, se não tiver a atitude.

Ter uma atitude e pensamentos positivos em relação a vida e a nós mesmos é o primeiro passo.

Aprender a relaxar e canalizar positivamente os pensamentos e emoções, ajudará a lidar com o estresse e as tensões do dia-a-dia

DICA EXTRA: Se você quer aprender a organizar seu tempo, controlar sua ansiedade, reduzir o estresse, depressão e administrar o tempo.

DICA EXTRA: Então, CLIQUE AQUI agora mesmo e baixe o e-book Grátis….

“03 Fatores Para Controlar sua Ansiedade”  Pois as informações são valiosas.

Ah… Deixe um cometário pois vou responder o mais rápido possível….ok

como tratar o estresse do trabalho

2 Comentários

  1. Juliana César José

    meu chefe é muito exigente e autoritário! Nunca concorda com as opinião dos funcionários mas exige opinião para não dar tanto crédito

    Meus colegas são muito esquecidos, e eu tenho que me lembrar de quase tudo só para a culpa não vir cair sobre mim, me sinto sufocada com tantos gritos e agitação. No princípio eu amava muito o meu trabalho mas agora sinto que não tenho tanto amor por ele, tudo por ter momento para realizar o mesmo estou sempre a ser interrompida no momento que penso em fazer meu trabalho, em fim como contabilista me sinto sufocada e desatenta em coisas que requereria muita atenção. Nesta sexta entrei em crise fiquei paralisada mal falava apenas chorava de tanta dor meus pés ficaram frio e com cambria e muitas dores de cabeça parecia que minhas veias arrebentaria. Nesse momento sinto que não mais força para continuar com esse emprego.

    • Ola! para iniciar todo chefe tem sua função, normalmente eles tender a ser durões e fazem cobrança, isso é extremamente normal, a questão é como lidamos com a cobrança, e como reagimos a elas, se for de forma negativa devemos procurar ajuda com algum psicoterapeuta, obrigado pelo seu comentário e boa sorte em sua jornada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *